Sábado no Parque


E o ultimo sábado (Ou o penúltimo, dependendo de quanto tempo eu demorar para redigir este texto) foi o dia em que eu fui para o Hopi Hari. Sim, eu me diverti bastante. Mas sendo quem eu sou, sempre há sobre o que reclamar. Neste caso em específico, há uma quantidade absurda de coisas sobre as quais ficarei de mimimi.

Sobre Cuecas

Parece óbvio… Mas sei lá né? Não somente quando você vai em um parque, mas em qualquer situação, usar uma cueca apertada é péssima idéia. Seus movimentos ficam restritos, seu fiel companheiro ficará indevidamente preso e você não vai aproveitar o dia como deveria. Pensando agora, tenho a impressão que esse dia teve em mim a mesma efetividade de uma sessão de tratamento para tornar o homem estéril (Sim, eu sou um inútil que não se lembra do nome desse tratamento e está com preguiça de procurar no google. Mas me deem um desconto, estou cansado).

Sobre Medo de Altura

Não vou mentir: Sou um medroso quando se trata de altura. Tipo de pessoa que prefere não se aproximar das janelas de prédios altos pra não precisar olhar pra baixo. Ainda que esse meu medo seja bem menor do que já foi em anos atrás, ele ainda existe. Daí você se pergunta: “O que raios você foi fazer em um lugar cheio de brinquedo alto, seu retardado?” – E eu respondo que sei lá. Enfrentar o medo, talvez? Tudo que eu sei é que eu deixei um pedaço da minha alma naquela torre maldita (E a certeza de que nunca pularei de para-quedas nesta vida).

Sobre o Cinema 3D

Bom, era um filme que tinha um boneco não muito expressivo. Era em 3D. E aquilo me dava dor de cabeça, por algum motivo desconhecido. Mas serviu pra passar os 15 minutos que a gente tinha enquanto esperava o ônibus.

Sobre Coragem (Ou a Falta Dela)

E eu vi uma menina muito bonita nesse dia. Tipo, se eu descrevesse a garota ideal pra mim, seria algo bem próximo daquela garota. O que houve? Nada, eu fui pra minha casa, provavelmente ela foi pra dela, e o dia continuou sem mais incidentes. Nota: A imagem a seguir não representa a garota ideal para mim, não tenho nenhuma tara oculta por rabiscos de paint ou desenhos mal feitos.

Sobre a Subida da Montanha Russa

A montanha russa é (ou deveria ser) uma das maiores atrações de um parque. Quando você está chegando, você vê de longe aqueles trilhos dando voltas e mais voltas. Andar na montanha russa não envolve nenhum segredo. Você vai pegar uma fila quilométrica por alguns minutos de adrenalina. Uma troca justa (Ou não, sei lá). Por mais medo que você tenha, o negócio anda tão rápido que você acaba não tendo muito tempo de se sentir assustado com todas aquelas curvas que estão sendo feitas. Mas a montanha russa tem um período grave de terror psicológico: A subida inicial. O carrinho vai subindo lentamente… Cada vez mais alto… Subindo… Gerando expectativa… Até que uma hora você vê aquela descida e bye bye (E tem também as declarações de ódio que a gente só ouve durante essa subida… Mas acho que não entrarei em detalhes sobre essa história).

Sobre a Chuva

4 horas da tarde. Imagine que você está na fila da montanha russa pela segunda vez. Imagine que começa a cair uma tempestade absurda. Imagine que você se molha e muito, mas se mantém firme e forte na fila. Imagine que depois de tanto sofrimento, chega sua vez e a montanha russa para de funcionar. Imagine as próximas quatro horas de tédio, molhado até os ossos. Apenas imagine. @Ocriador deveria mudar seu avatar para um trollface, só digo isso.

Sobre a Volta pra Casa

Depois de tanta coisa acontecendo, o desfecho do dia só podia ser um: Eu desmaiando no ônibus e dormindo até chegarmos novamente em São Paulo. Apesar dos pesares, foi um dia divertido (E este texto ficou com cara de redação escolar, yey).

M.K.

4 comentários
  1. Redação de como foi suas férias :P
    Me lembrou de quando ia com a escola, sempre dava alguma merda, gente se perdia, era maneiro.

  2. Débee disse:

    Soluções rápidas e objetivas da Débee:

    1 – Tirasse a cueca e ficasse livre, leve e solto (Mulheres fazem isso o tempo todo. Por que você não poderia também?).

    2 – Medo e dor são coisas psicológicas. Portanto, se você desmaiasse na descida ou morresse numa queda você não sentiria nenhum dos dois porque sua consciência já teria ido pro espaço.

    3 – Aqueles filmes 3D são uma merda.

    4 – O mundo está cheio delas. São todas iguais e sempre terão “aquilo” que, no final, é o que você realmente procura… Ou não.

    5 – Aquela montanha russa é foda!

    6 – Sobre a chuva: Você já tava no inferno. Vem incluso no pacote ter que abraçar o capeta.

    7 – Voltar pra casa é muito bom. Dormi é melhor ainda, e é o que vou fazer agora.

    BeijizzZZZzzz

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: