Post Escatológico


Peço para que os leitores sensíveis parem de ler, pois este post está uma merda.

Queria usar uma imagem melhor, mas fiquei com medo de procurar “Merda” no google

As crianças sairam da sala? Então já posso dizer. Odeio muitas coisas neste mundo. Mas uma que tem uma porção de ódio especial sempre dedicada a ela é a merda. De todos os tipos. Como por exemplo, merda de cavalo. Que surge quando um puto decide cavalgar pela cidade. Não sei se é pra fazer tipo, ou se o cidadão não conhece um meio de transporte mais eficiente. Mas enquanto o bicho vai andando, o cavalo vai merdando. Simples e nojento.

Outro tipo de merda irritante é a merda de cachorro. Pro inferno com ela. E também todos os infelizes que saem por aí para passear com o cachorro, e deixam o bicho infeliz espalhar seus dejetos por todos os cantos da cidade. E nem pensam em limpar. Simplesmente ignoram. Ser humano é mesmo um vírus. Pelo menos não vemos por aí pessoas cagando na rua. Pelo menos ainda não nos dias de hoje. Quem sabe o que o futuro reserva?

Mas ainda assim, o ser humano é responsável por muitas das merdas que compõem este mundo. Por isso, banheiros públicos são o pior ecossistema de todo o planeta Terra. Nele, além de condições adversas que não precisam ser citadas aqui, por serem de conhecimento geral, temos o maior terror de todos os tempos: A privada de tampa abaixada. Nunca se sabe o que vamos encontrar quando levantamos uma delas. Os mais fracos de coração geralmente dão a descarga antes de levantar a tampa. Uma alternativa sábia. Mas quando eles fazem isso e a privada está entupida, sai de baixo…

Mas guardei o pior para o final. Algumas vezes a merda ganha vida própria. Isso geralmente ocorre quando as pessoas não controlam direito o que comeram no dia anterior e ingerem algo podre. Resultando no inferno dentro da Terra. A pessoa se torna refém de um conjunto de órgãos do corpo, sendo obrigado a ir ao banheiro em horários aleatórios, apenas ficar gerando uma quantidade indefinida de merda.

Só dá para terminar este texto com duas palavras: Puta Merda!!!

M.K.

5 comentários
  1. Este post me deu vontade de ir ao banheeeiro (com licença)….

  2. B disse:

    Eh interessante o assunto, porque merda eh quase a materia primordial. Quase tudo pode ser uma merda! Que merda, somos feitos de merda…

  3. André Gêeee disse:

    Que merda de texto heim Mário!!
    Gostei! Mas de onde veio a idéia de falar de merda? Não Fala que veio da sua cabeça senão vou achar que você está enfesado…

  4. Biga disse:

    Eu li, ia comentar, mas nada me veio á cabeça…
    Então deixei pra lá… Mas ontem, no técnico, nem sei como, meu professor disparou a contar como foi a agonia dele de ir no banheiro e concluiu que o tempo que falta para chegar na privada é inversa á vontade que se tem de cagar. O.o
    Tá que só tem três garotas na minha sala(inclusive eu), mas ele também contou de um amigo dele que na hora H, num hotel, não conseguiu sentar na privada, acabou “expelindo” na parede, que quicou pro chão, que foi na calça dele, nas pernas e sujou o banheiro todo. Ele teve que trocar de quarto e o quarto que estava ficou dois dias sendo limpado.
    Puta merda. XD

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: